Os imaginários

A literatura infantil tem o poder de fascinar os leitores que mergulham em uma jornada de aventuras e descobrimentos. Seus personagens convidam e conduzem os jovens leitores nessas aventuras e ‘Os imaginários’ fazem isso logo de ‘capa’. As transparências e os coloridos das imagens são o prenúncio dos muitos mistérios que estão por ser desvendados, por isso, durante a leitura, fiquem atentos às imagens e às conexões que elas fazem com o que já passou, só pra ter certeza de que vocês não vão esquecer de nada. 

Confesso que ‘Os Imaginários’ é um daqueles livros que pega você e não deixa seus olhos escaparem por nada, nada mesmo! A leitura é fluida e divertida do começo ao fim. É uma daquelas histórias que chegam a dar um friozinho na barriga, como aquele que a gente sente no carrinho da montanha russa.

Alexandre Boide, o tradutor, manteve toda fluidez da narrativa em inglês do senhor A. F. Harrold. Você nem percebe que está lendo uma tradução, e acredito ser esse um dos motivos por indicar a leitura de ‘Os Imaginários’ em português.

Image.png

Os Imaginários
A. F. Harrold
Tradução de Alexandre Boide
Ilustrações de Emily Gravett
Escarlate, 2016
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s