Os Heróis do Tsunami

 

Muitos azuis e ocres, cuidadosamente entremeados de diferentes tons de vermelho, e um tiquinho de verde. A retina se delicia com as imagens, mas não se trata aqui de um livro sobre arte. É um livro de arte sim, mas também é informativo e é literatura.

Com imagens de página inteira e um texto intra icônico curto, em verso, Fernando Vilela consegue contar uma bela história, para leitores de todas as idades.

Na capa, uma versão avant garde da famosa onda de Hokusai, o grande mestre da xilogravura que viveu no Japão, no século XIX. A gente tem a impressão de que vai se molhar olhando a capa com a onda, e ela se desdobra ficando dupla, e aí se vê que a grande onda está chegando perto de elefantes bois camundongos e pássaros que fogem.

O lado de dentro da capa (ante rosto) fica então de folha tripla, com uma imagem sangrada do que parece uma onda à esquerda e, à direita, bolhas minúsculas num fundo azul. Esta imagem da direita se repete a seguir, mas agora em página dupla, com o título em letras negras bem grandes. A impressão é de que se está mergulhando e que a expressão “Os Heróis do Tsunami” está parada na nossa frente enquanto o mar se move ao fundo.

A história começa (se já não começou na capa) com grandes rochas se espremendo no fundo do mar e uma poderosa onda se formando na superfície. Enquanto isso, na praia, os habitantes de um vilarejo curtem a vida. A imagem é paradisíaca: pessoas lavando elefantes na água do mar, crianças brincando, homens e mulheres fazendo piquenique, fazendo música, macacos tirando coco das palmeiras e aves marinhas paradas, alinhadas contra o vento.

Instala-se a seguir o conflito, elemento essencial de toda boa história, que se resolve ao longo do livro após boa dose de aventura, por meio da solidariedade entre humanos e entre animais e humanos.

O autor se inspirou nos fenômenos naturais chamados de tsunamis, particularmente aquele que ocorreu no oceano índico em dezembro de 2004, que vitimou dezenas de milhares de pessoas em 12 países. Usa a história singela para explicar o que é um tsunami, quais as suas consequências, e que os animais são capazes de prever desastres naturais devido à audição, olfato e outros sentidos mais apurados do que aqueles dos humanos.

Para criar as imagens do livro, Fernando Vilela trabalhou com desenho, xilogravura (gravuras em madeira) em grande formato, pintura e usou o computador para colorir. Pedagogicamente, ele ainda mostra um pouco de seu processo criativo, com fotos do ateliê de gravura onde o trabalho foi concebido. Ao mencionar e fotografar as pessoas responsáveis pela impressão das chapas de madeira entalhadas, mostra que a gravura é uma técnica que envolve diferentes profissionais: os desenhistas pintores, os entalhadores e os impressores.

Um livro de imagens, um livro de artista, um informativo, uma boa história, tudo em apenas quarenta páginas: que poder de síntese!

Título: Os Heróis do Tsunami
Autor do texto e ilustrações: Fernando Vilela
Editora: Brinque Book, 2011

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s