As Rapaduras são Eternas

O livro é o maior “barato” para usar a linguagem utilizada, num “carioquês” que ambienta bem a história de suspense que envolve um grupo de jovens amigos: Beta, seu namorado Duda, Jacaré e Joça.

Uma trama policial se inicia com a visita de um tio de Beta, que traz de Brasília uma mala com presentes insólitos: linguiça e rapaduras. Logo no início o Tio Aníbal é sequestrado e lhe roubam as rapaduras… A partir daí os jovens se comportam como heróis do cotidiano, a polícia é acionada, mas os envolvidos não contam tudo, já que Jacaré quer ser um grande jornalista e espera o “furo”de reportagem de sua vida e…. e… e o final fica mais ou menos evidente ali pela metade do livro, o que não o impede de ser uma agradável e educativa leitura.

Livro: As Rapaduras são Eternas
Autores: Carlos Heitor Cony e Anna Lee
Editora: Galera (Record), 2008

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s